22.3 C
Londres
quinta-feira, setembro 16, 2021

Após espancar a esposa até a morte, homem se entrega à polícia

Saiba Mais

Vaza nude do cantor gospel Lucas e fotos impressiona internautas

O site O BUXIXO GOSPEL publicou nesta terça-feira uma matéria que está respercutindo em meio dos cristãos. No dia...

Após roubo em residência, PM localiza suspeitos no centro de Palmas

Dois jovens de 21 anos foram presos pela Polícia Militar após roubarem uma residência na região central de Palmas,...

Palmas é escolhida no projeto-piloto Destino Turístico Inteligente

A cidade de Palmas está entre as dez capitais escolhidas pelo Ministério do Turismo para integrar o projeto-piloto Destinos...
Mayara Abreuhttps://www.mvnoticias.com.br/
Mayara Abreu é jornalista e radialista há cinco anos. É apaixonada pelo esporte, aventuras, cachoeiras, fotografias, sorrisos verdadeiros e pela culinária tocantinense. Contar histórias e eternizar momentos é sua arte preferida.

Local onde a vítima foi morta. oto: Portal Araguaína Notícias/Divulgação

A Polícia prendeu um homem suspeito de matar a própria companheira no povoado Brejão, zona rural de Araguaína. A mulher, identificada como Shirly Rodrigues Segurado, de 33 anos, foi espancada e morreu no fim de semana, após não resistir aos ferimentos.

De acordo com informações da Polícia Militar, a irmã do suspeito contou que Shirly Rodrigues saiu de casa cedo, no ultimo sábado (17), enquanto ele ficou dormindo. Já no fim da tarde, eles se encontraram em um bar e teriam voltado para casa embriagados. Os dois começaram uma discussão e quando a testemunha chegou na casa, encontrou a cunhada com sinais de espancamento, um corte na testa e hematomas nos olhos. O suspeito não estava no local.

A PM chegou ao local e já encontrou Shirly sem vida, no dia do crime o homem não foi localizado.

Nesta segunda-feira, 19, o suspeito ligou para a Polícia Civil e se entregou. Ele contou que ficou escondido na casa de parentes. Em seu depoimento, o homem contou à polícia que tinha discutido com a mulher e agrediu a companheira, situação já feira outras vezes, segundo o depoimento. Ele está na Casa de Prisão Provisória de Araguaína.

Dia do Índio: Hioló Werreria um estudante que superou o preconceito e hoje é uma grande inspiração

- Advertisement -

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -

Últimas Notícias

Vaza nude do cantor gospel Lucas e fotos impressiona internautas

O site O BUXIXO GOSPEL publicou nesta terça-feira uma matéria que está respercutindo em meio dos cristãos. No dia...
- Advertisement -

Saiba Mais

Vaza nude do cantor gospel Lucas e fotos impressiona internautas

O site O BUXIXO GOSPEL publicou nesta terça-feira uma matéria que está respercutindo em meio dos cristãos. No dia...

Após roubo em residência, PM localiza suspeitos no centro de Palmas

Dois jovens de 21 anos foram presos pela Polícia Militar após roubarem uma residência na região central de Palmas,...

Palmas é escolhida no projeto-piloto Destino Turístico Inteligente

A cidade de Palmas está entre as dez capitais escolhidas pelo Ministério do Turismo para integrar o projeto-piloto Destinos...
Mayara Abreuhttps://www.mvnoticias.com.br/
Mayara Abreu é jornalista e radialista há cinco anos. É apaixonada pelo esporte, aventuras, cachoeiras, fotografias, sorrisos verdadeiros e pela culinária tocantinense. Contar histórias e eternizar momentos é sua arte preferida.

Local onde a vítima foi morta. oto: Portal Araguaína Notícias/Divulgação

A Polícia prendeu um homem suspeito de matar a própria companheira no povoado Brejão, zona rural de Araguaína. A mulher, identificada como Shirly Rodrigues Segurado, de 33 anos, foi espancada e morreu no fim de semana, após não resistir aos ferimentos.

De acordo com informações da Polícia Militar, a irmã do suspeito contou que Shirly Rodrigues saiu de casa cedo, no ultimo sábado (17), enquanto ele ficou dormindo. Já no fim da tarde, eles se encontraram em um bar e teriam voltado para casa embriagados. Os dois começaram uma discussão e quando a testemunha chegou na casa, encontrou a cunhada com sinais de espancamento, um corte na testa e hematomas nos olhos. O suspeito não estava no local.

A PM chegou ao local e já encontrou Shirly sem vida, no dia do crime o homem não foi localizado.

Nesta segunda-feira, 19, o suspeito ligou para a Polícia Civil e se entregou. Ele contou que ficou escondido na casa de parentes. Em seu depoimento, o homem contou à polícia que tinha discutido com a mulher e agrediu a companheira, situação já feira outras vezes, segundo o depoimento. Ele está na Casa de Prisão Provisória de Araguaína.

Dia do Índio: Hioló Werreria um estudante que superou o preconceito e hoje é uma grande inspiração

- Advertisement -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -

Últimas Notícias

Vaza nude do cantor gospel Lucas e fotos impressiona internautas

O site O BUXIXO GOSPEL publicou nesta terça-feira uma matéria que está respercutindo em meio dos cristãos. No dia...
- Advertisement -

Saiba Mais

Vaza nude do cantor gospel Lucas e fotos impressiona internautas

O site O BUXIXO GOSPEL publicou nesta terça-feira uma matéria que está respercutindo em meio dos cristãos. No dia...

Após roubo em residência, PM localiza suspeitos no centro de Palmas

Dois jovens de 21 anos foram presos pela Polícia Militar após roubarem uma residência na região central de Palmas,...

Palmas é escolhida no projeto-piloto Destino Turístico Inteligente

A cidade de Palmas está entre as dez capitais escolhidas pelo Ministério do Turismo para integrar o projeto-piloto Destinos...
Mayara Abreuhttps://www.mvnoticias.com.br/
Mayara Abreu é jornalista e radialista há cinco anos. É apaixonada pelo esporte, aventuras, cachoeiras, fotografias, sorrisos verdadeiros e pela culinária tocantinense. Contar histórias e eternizar momentos é sua arte preferida.

Local onde a vítima foi morta. oto: Portal Araguaína Notícias/Divulgação

A Polícia prendeu um homem suspeito de matar a própria companheira no povoado Brejão, zona rural de Araguaína. A mulher, identificada como Shirly Rodrigues Segurado, de 33 anos, foi espancada e morreu no fim de semana, após não resistir aos ferimentos.

De acordo com informações da Polícia Militar, a irmã do suspeito contou que Shirly Rodrigues saiu de casa cedo, no ultimo sábado (17), enquanto ele ficou dormindo. Já no fim da tarde, eles se encontraram em um bar e teriam voltado para casa embriagados. Os dois começaram uma discussão e quando a testemunha chegou na casa, encontrou a cunhada com sinais de espancamento, um corte na testa e hematomas nos olhos. O suspeito não estava no local.

A PM chegou ao local e já encontrou Shirly sem vida, no dia do crime o homem não foi localizado.

Nesta segunda-feira, 19, o suspeito ligou para a Polícia Civil e se entregou. Ele contou que ficou escondido na casa de parentes. Em seu depoimento, o homem contou à polícia que tinha discutido com a mulher e agrediu a companheira, situação já feira outras vezes, segundo o depoimento. Ele está na Casa de Prisão Provisória de Araguaína.

Dia do Índio: Hioló Werreria um estudante que superou o preconceito e hoje é uma grande inspiração

- Advertisement -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -

Últimas Notícias

Vaza nude do cantor gospel Lucas e fotos impressiona internautas

O site O BUXIXO GOSPEL publicou nesta terça-feira uma matéria que está respercutindo em meio dos cristãos. No dia...
- Advertisement -

VEJA MAIS